sexta-feira, abril 20, 2007

Afinal diz que era uma espécie de uma história muito mal contada

Nota de imprensa do PCP:

A propósito da noticia do DN hoje publicada sob o título «PCP veta “Gato”» o PCP entende esclarecer o seguinte:
● Só por absoluta inexactidão, ou declarada má fé, se pode atribuir ao PCP, como é intenção da peça, a atitude de veto de Ricardo Araújo Pereira a propósito da intervenção de um jovem em representação de organizações juvenis na iniciativa de comemoração do 25 de Abril.
● Em rigor o que se pode afirmar é que esta questão, a exemplo do que sucedeu com a inviabilização do acordo sobre o “Apelo” dos promotores, é expressão da atitude dos que, no quadro da comissão promotora, agiram para impedir nas comemorações quaisquer referências ou juízos críticos à acção do governo do PS.
● Na actual situação – de agravamento dos problemas dos jovens e em particular dos jovens trabalhadores, que a recente lei sobre trabalho temporário veio acentuar, e de que a acção de luta de jovens trabalhadores de 28 de Março foi expressivo testemunho – a JCP apresentou e defendeu, desde o primeiro momento, por razões de actualidade política, a proposta (que chegou a ser consensualizada embora com a ausência da JS) de um jovem dirigente sindical (Pedro Frias) para a referida representação. É na sequência do desacordo manifestado já em momento posterior pelo representante da Juventude Socialista a esta proposta que o nome de Ricardo Araújo Pereira é apresentado e defendido (três reuniões mais tarde) pela JS e o BE. Perante o desacordo destas organizações àquela proposta foi ainda adiantado em alternativa, por iniciativa da Interjovem o nome de Joana Bastos para eventual consideração.
● Foi a falta de consenso entre as várias organizações juvenis – indispensável no processo de construção de decisões da comissão promotora das comemorações do 25 de Abril – que inviabilizou o acordo necessário para a referida escolha.
● O sentido que o título do DN e a peça que o acompanha pretende atingir é assim manifestamente tendencioso. Com igual «rigor» o DN poderia ter titulado “PS(ou BE) veta jovem sindicalista”.
● É assim absolutamente falso que o PCP tenha “vetado” o nome de Ricardo Araújo Pereira. Para o PCP, a presença de todos quantos, como Ricardo Araújo Pereira, e tantos outros designadamente dos meios artísticos e culturais, se queiram associar às comemorações de Abril é sinal de uma desejável manifestação de vontade democrática de participação e dos afirmação de valores de Abril.

19.04.2007
O Gabinete de Imprensa do PCP

3 comentários:

Anónimo disse...

Caros amigos,

"José Afonso", figura ímpar da cultura portuguesa, que trilhou, desde sempre, um percurso de coerência na recusa permanente do caminho mais fácil, da acomodação, no combate ao fascismo salazarista e pela liberdade e democracia, é tema de um selo que está em 5º lugar. Precisamos do voto de todos para que se faça um selo em sua memória e em louvor à Liberdade.
Num período de exaltação de valores salazaristas, devemos contrapor com os nossos defensores de Abril!

“Venham mais cinco!!
Traz um amigo também!”


VOTA
[aqui]

Abril, SEMPRE!!

Davide da Costa

oRdEp disse...

Diz que é uma espécie de país chamado Portugal,

com o que diz que é uma espécie de 1º Ministro "Engenheiro",

com o que diz que é uma espécie de túnel do Marquês, que para alguns bombeiros é seguro, e para outros não, e que diz que é uma espécie que túnel maravilha, solução para o trânsito no centro de Lisboa, e que maravilhosamente diz que termina num semáforo, e que diz que tem uma inclinação de 9,3%...,

com o que diz que é uma espécie de partido fascista, mas que diz não ser, e que à frente de tudo e todos no centro da capital, junto ao que diz que é o túnel do Marquês, faz propaganda fascista,

com diz que é uma espécie de democracia que autoriza a colocação de um cartaz de um partido fascista, mas não autoriza um cartaz dos que dizem que é uma espécie de magazine...

Digo que é uma espécie de país chamado Portugal... que cada vez me faz mais espécie!!!

belinha disse...

Acredita em Bruxas? Não?!Mas uma existe,deseja ser um selo de correio e precisa do seu voto!

Clicar aqui para votar na Bruxa